Receitas de medicamentos de uso contínuo passam a ter validade indeterminada

A Lei 14.028, publicada no dia 28, prevê validade indeterminada para receitas médicas e odontológicas enquanto perdurarem as medidas de isolamento para contenção da pandemia da covid-19. A vice-presidente do CRF-GO, Luciana Calil, abortou o assunto em nota divulgada pelo Conselho, no dia 28 de julho, e afirmou que a medida “busca contribuir para o distanciamento social e diminuir o fluxo de pessoas nos consultórios, hospitais e clínicas em busca da receita médica e garantem que o paciente não fique sem seu medicamento”. A nota foi destaque em canais de notícia goianos, confira uma seleção destes abaixo.

Para ler a matéria do portal online da rádio Bandeirantes, clique aqui;

Para ler a matéria do jornal A Redação, clique aqui e;

Para ler a matéria do jornal Opção, clique aqui.
 

Adicionar um comentário

Nome*
Telefone*
Email*
Comentário
 
CRF-GO | FALE COM A PRESIDENTE